Centenário de Moniz Pereira com a participação do CNID

“Senhor Atletismo” também foi cronista e associado do CNID

Mário Alberto Freire Moniz Pereira ficou conhecido, enquanto jornalista associado do CNID, pelas crónicas no jornal A Bola, nas quais divulgou e promoveu o atletismo.


Ao comentar os resultados, Moniz Pereira – o “Senhor Atletismo”, nascido em Lisboa a 21 de Fevereiro de 1921 – deu a conhecer o que de mais significativo se passou na modalidade que, a partir dos anos 80, embarcou numa viagem de êxitos atrás de êxitos.


Recorde-se, porém, que a primeira medalha de ouro – que catapultou de vez o atletismo nacional para o plano mundial – foi conquistada em 1976, quando Carlos Lopes se sagrou campeão mundial de corta-mato.


No ano anterior (1975) tinha sido formalizado o primeiro plano de alta competição, assinado entre o Estado e a Federação Portuguesa de Atletismo, o que revolucionou, por completo, a forma de treinar dos atletas lusos e que redundou no conquistar de medalhas sobre medalhas nos anos seguintes, até que em 1984, nos Jogos Olímpicos de Los Angeles, o mesmo Carlos Lopes se sagrou campeão olímpico na maratona, facto que deixou o país em êxtase.


Cumpriu-se, com este êxito, o sonho que Moniz Pereira sempre teve de que, um dia, iria ver um atleta treinado por si no degrau mais alto do pódio olímpico, a ouvir o Hino Nacional.
Para além disso, Moniz Pereira escreveu, para memória futura e sempre em A Bola, a história dos grandes êxitos que foram sendo alcançados por outros atletas portugueses de gabarito, casos de Fernando Mamede, Domingos Castro, Dionísio Castro e Rui Silva.

MONIZ PEREIRA E O CNID


Moniz Pereira filiou-se no Clube Nacional da Imprensa Desportiva (CNID), hoje CNID – Associação dos Jornalistas de Desporto, em 22 de Janeiro de 1968. Somou 48 anos como associado, já que faleceu em 2016, aos 95 anos de idade.


Foi por tudo isto – e por muito mais, porquanto Moniz Pereira esteve envolvido noutras áreas do Desporto e da Cultura – que o CNID, em conjunto com outras entidades, participa nas comemorações do Centenário de Moniz Pereira.

Face à pandemia, apenas foi possível realizar dois eventos, promovidos pela Associação de Atletismo de Lisboa e pelo Sporting Clube de Portugal, este último integrado também na comemoração do 115.º aniversário do clube do leão ao peito.


Outras iniciativas irão ter lugar até ao final de Janeiro de 2022, em função daquilo que a pandemia venha a permitir.

O CNID esteve representado na homenagem pelo vice-presidente Artur Madeira.

VÍDEO aqui.

DIA MUNDIAL DO JORNALISTA DESPORTIVO

A AIPS (Associação Internacional da Imprensa Desportiva) promove hoje, 2 de julho, às 13h00 de Portugal, uma e-conferência via zoom subordinada ao título: “Desporto e saúde mental. Está em perigo o acesso às fontes?”.

O CNID reputa este evento como de grande importância e de indiscutível oportunidade, pelo que convida todos os que estiverem interessados a inscreverem-se. Há tradução simultânea em quatro línguas.
O título da conferência, que assinala pelo segundo ano consecutivo o Dia Mundial do Jornalista Desportivo, remete para os recentes problemas da tenista japonesa Naomi Osaka, que se recusou a participar em conferências de Imprensa por considerar que isso a afetava na sua saúde mental, mas também para a forma como tantos desportistas de alto nível têm hoje as suas relações com os jornalistas controladas de forma que só pode ser considerada indevida.
Continuar a ler

CNID ENTREGOU “PRÉMIO PRESTÍGIO” A JOSÉ MANUEL CONSTANTINO

O presidente do Comité Olímpico de Portugal, José Manuel Constantino, recebeu hoje (18 de Junho) o Prémio Prestígio “Fernando Soromenho”, atribuído pelo CNID.



O prémio foi entregue pelo presidente da Direção, Manuel Queiroz, na companhia dos vice-presidentes Mário Martins e Artur Madeira.


Mais pormenores aqui.

__________


INTERVENÇÃO DO PRESIDENTE DO CNID


Exmo. Senhor Presidente do Comité Olímpico de Portugal,
Meu caro Prof. José Manuel Constantino


É um enorme gosto estar aqui hoje para, em nome dos Jornalistas Portugueses, o distinguir, de forma singela, mas para nós com um grande significado.
A Direção do CNID deliberou há um ano atribuir-lhe o Troféu Prestígio Fernando Soromenho, um grande jornalista e primeiro presidente do Clube Nacional da Imprensa Desportiva.


É um troféu que atribuímos poucas vezes. No caso do prof. José Manuel Constantino foi-o pela sua enorme obra de dirigente, autárquico, clubístico, federativo, pelos seus cargos públicos. Ou pelos livros, ou por tudo o resto. E foi sobretudo pela sua militância cívica, pela independência do seu pensamento, que não se verga perante os poderes, antes os ajuda a ver as grandes questões de forma mais clara.

Continuar a ler

Inovação no Desporto é tema de seminário

No âmbito da Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia terá lugar nos próximos dias 16 e 17 de junho de 2021 o Seminário “Sport Innovation: Beyond Business as Usual”, que decorrerá online, a partir de Lisboa.

Sob o mote “Beyond Business As Usual” o seminário dará continuidade à discussão que, ao longo do semestre, decorreu ao nível do Grupo do Desporto do Conselho da EU, dando voz a pessoas e organizações que, diariamente tornam a inovação no desporto uma realidade.

A Inovação no desporto, para além de ser uma das prioridades da Presidência Portuguesa para o desporto, consta também do Plano de Trabalho da UE para o desporto 2021-24 e o seminário proporcionará uma oportunidade de prolongar a discussão e lançar as bases para uma maior reflexão e ação sobre o tema.

O idioma de trabalho será o inglês, sendo disponibilizada tradução simultânea para português.

Todos os interessados poderão inscrever-se para participação Online nesta ligação.

O programa completo do evento pode ser consultado aqui

__________

Website em preparação

O projecto “campeoesdeportugal.pt”, que visa reunir num mesmo local todos os campeões nacionais de todas as modalidades, entrou já na fase final.
A ideia foi apresentada no início de 2018 ao secretário de Estado do Desporto, João Paulo Rebelo. O processo foi encaminhado para a Fundação do Desporto, que em 2020 garantiu o financiamento através do apoio dos Jogos Santa Casa.
 
Entretanto, o CNID já tinha registado o domínio e realizado um concurso para o logótipo, ao qual concorreram 72 trabalhos originais.
 
No final de 2020 e início de 2021 foram escolhidos os parceiros para concretizar a ideia e formalizada a aquisição de serviços.
 
O CNID já recebeu muita informação de diversas federações e o trabalho de construção do “website” decorre agora a bom ritmo.
 
 
Em breve, colocaremos à disposição de todos os Jornalistas (e de todos os outros interessados) de todo o mundo a maior base alguma vez elaborada sobre os “maiores” do Desporto português.
 
Vídeo de apresentação aqui.
 

Medalha comemorativa

[disponível em breve]


Está em execução a medalha comemorativa do 55.º aniversário, que será oferecida a todos os associados.
É a segunda medalha na história do CNID. A primeira foi editada em 1986, por ocasião do 20.º aniversário.


É um trabalho da “designer” Filipa Palmeirim, há muito colaboradora da nossa Associação.

Mensagem pelo 55.º aniversário do CNID

O CNID – Associação dos Jornalistas de Desporto completa hoje 55 anos. Uma data redonda e que não podemos comemorar como gostaríamos e no tempo que queríamos por causa da pandemia, mas que mesmo assim vamos assinalar de forma marcante.

Num tempo particularmente difícil, em que se vão perdendo empregos e em que a Imprensa Desportiva corre sérios riscos, sem que os poderes públicos tomem medidas estruturais para ajudar a manter a Comunicação Social à “tona da água”, é preciso sublinhar em primeiro lugar que o contraditório, base do Jornalismo, experimenta dias difíceis. Mas é preciso defendê-lo, porque uma sociedade que só tem acesso a informação parcial é uma sociedade em sérios riscos de desagregação, porque não preparada para enfrentar a realidade. O Jornalismo é uma semente indispensável para que uma sociedade se compreenda a si própria – na glória, no bem ou no mal, nas vitórias e nas derrotas.

Os Jornalistas, e entre eles os da área do Desporto, devem continuar a ser esteios da liberdade de informar. É por isso que colaboramos com o Plano Nacional para a Ética no Desporto, que subscrevemos um acordo com a SIGA (Aliança Global para a Integridade no Desporto), que estamos a criar o website campeoesdeportugal.pt, que representamos no nosso país a AIPS (Associação Internacional da Imprensa Desportiva) e apoiamos os seus esforços de formação e de partilha de informação entre jornalistas de todo o mundo, que desenvolvemos contactos para criar uma estrutura que reúna os Jornalistas de Desporto dos países de expressão oficial portuguesa.

Apesar das muitas dificuldades, o CNID procura estar na primeira linha de defesa dos Jornalistas de Desporto, trabalha para os valorizar e prestigiar.

É isso que vamos continuar a fazer neste ano do 55.º aniversário, editando uma medalha comemorativa da data (que chegará todos os sócios) e distinguindo os associados mais antigos com diplomas alusivos à carreira profissional e à sua ligação ao CNID. Esperamos ainda, se a pandemia o permitir como desejamos, assinalar esta data festiva com o retomar a organização da Gala do CNID, em setembro ou outubro próximos.

Agradecemos a quantos nos têm apoiado nesta caminhada de 55 anos, sejam estruturas do Estado, empresas ou, mesmo, simples cidadãos. O apoio de todos tem sido muito importante, tal como o tem sido a dedicação das centenas de associados, de que os três primeiros são Guita Júnior, Júlio Fernandes e Manuel Martins de Sá.

Temos um caminho percorrido e queremos ter um caminho a percorrer. Sempre ao lado dos Jornalistas e do Desporto.

Manuel Queiroz 
Presidente da Direção