Diogo Ventura é o primeiro galardoado com o Prémio Desportivismo

O CNID (Associação dos Jornalistas de Desporto) anunciou ontem o primeiro vencedor do Prémio Desportivismo, recentemente criado para distinguir gestos de fair play de praticantes de qualquer modalidade.

A cerimónia de apresentação nacional do prémio está agendada para 16 de abril (próxima terça-feira), às 17 horas, no Campo da Arregaça, em Coimbra, e quem vai receber o primeiro galardão é o jovem Diogo Ventura, do Clube União 1919 (antigo Clube de Futebol União de Coimbra).

A 10 de junho de 2018, em Vale de Açores (Mortágua), num torneio de guarda-redes, escalão de iniciados, Diogo Ventura classificou-se para a final juntamente com o guardião do Clube Desportivo do Luso, mas este acabou por ter um súbito problema de saúde e teve de ser transportado de imediato para o hospital, não podendo discutir a final.

Perante isto, a organização declarou Diogo Ventura como vencedor, mas este recusou o triunfo e fez questão que o mesmo fosse atribuído ao adversário que tinha ficado impedido de lutar pela vitória.

Diogo Ventura é atualmente guarda-redes dos juvenis do Clube União 1919.

“A Bola” noticia hoje na última página este assunto.

Mourinho e os jornalistas: “Melhores? Os italianos”

José Mourinho: “Os bons jornalistas em Portugal são muito bons”

Fizemos uma provocação a José Mourinho quando lhe entregámos o Troféu CNID 2015, no recente Forum de Treinadores, em Portimão: “Quais foram os piores jornalistas que encontrou nos quatro países em que trabalhou?” 

“Os jornalistas que, em minha opinião, sabem mais de futebol são os italianos. Interessam-se mesmo pelo futebol, querem saber e perceber de futebol. Para mim são os que se preparam mais e ainda por cima têm uma linguagem muito rica.

Em Inglaterra há uma diferença muito acentuada entre os jornalistas e os comentadores e parece-me que ha empatias e antipatias que definem as tendências. Há comentadores que se posicionam como grandes experts mas as máscaras caiem quando passam do ecrã ao banco.

Os espanhóis amam o futebol e amam os seus clubes. São apaixonados e vivem futebol 24 horas por dia, nalguns casos demasiado clubistas.

Os portugueses? Quais? Os jornalistas, os comentadores, os bloguistas, os jogadores de ‘championship manager’? Os jornalistas? Os bons jornalistas em Portugal são muito bons.”

José Mourinho e Silvino receberam troféus de 2015

José Mourinho e Silvino Louro foram distinguidos em 2015, quando se encontravam ao serviço do Chelsea, com o Troféu CNID. Na altura não puderam receber o galardão.
Aproveitando o recente Congresso dos Treinadores, em Portimão, o presidente da Direção do CNID, Manuel Queiroz, fez a entrega dos troféus..

Cristiano Ronaldo e Bernardo Silva já têm o Troféu CNID 2018

Cristiano Ronaldo e Bernardo Silva receberam os troféus na Cidade do Futebol

Aproveitando a recente dupla jornada da seleção nacional em Lisboa, Cristiano Ronaldo e Bernardo Silva receberam o Prémio CNID 2018 “Melhor jogador português no estrangeiro”.

O prémio foi atribuído “ex aequo” aos dois futebolistas.

Ronaldo, então no Real Madrid, e Bernardo Silva (Manchester City) não compareceram na Gala do CNID realizada em Braga, em Maio do ano passado.

Receberam agora, na Cidade do Futebol, os troféus com visível alegria.

[Nota: neste momento restam dois troféus de 2018 por entregar: o do técnico Nuno Espírito Santo e o do tenista João Sousa.]

Relatório e Contas de 2018 aprovados

Nota de Imprensa

A Direção do CNID comunica que foi aprovado hoje à tarde, em Assembleia Geral, o Relatório e Contas relativo ao exercício de 2018, que teve contas equilibradas, como tem sido habitual.

O Presidente da AG, Santos Neves, e o presidente do Conselho Fiscal, Nuno Madureira, mostraram-se no final satisfeitos com os esclarecimentos prestados pela Direção.

A Direção do CNID

Lisboa, 25 de março de 2019

Continuar a ler