Atenção aos prazos!

Votação dos Futebolistas do Ano

e inscrição para viagem a Portimão

Terminam no próximo dia 17, sexta-feira, às 17h00, os prazos para participar na votação dos Futebolistas do Ano e para inscrição no autocarro para assistir à Gala CNID 2019, em Portimão.

Agradecemos que os sócios interessados numa e noutra iniciativa tenham em atenção a data-limite e a hora-limite atrás referidas.

No caso da votação, ele é feita para o email cnid@cnid.pt, indicando o nome, número de sócio e o candidato preferido em cada categoria.

No caso da inscrição para a viagem a Portimão, que inclui almoço, a inscrição pode ser concretizada através do endereço cnid@cnid.pt ou pelo telefone 21 894 71 12 (das 15h00 às 18h00).

A Direção do CNID – Associação dos Jornalistas de Desporto

COMUNICADO


Jornalistas ameaçados no Bonfim

Os jornalistas em serviço no Estádio do Bonfim, em Setúbal, no jogo da I Liga entre o Vitória FC e o Boavista FC, foram ameaçados pelos espectadores que protestavam contra o árbitro.

Houve ameaças e agressões verbais pelo menos, sem que as autoridades fossem rápidas na sua atuação.

Foi um momento difícil para os Jornalistas em serviço, que obviamente são alheios a qualquer problema de arbitragem.

Os jornalistas podem e devem ter opiniões e têm obrigação de as transmitir ao público no momento adequado.

O futebol também vive da capacidade de os jornalistas relatarem os acontecimentos que testemunham, o que devem fazer com isenção e equilíbrio. Mas não podem ser condicionados na sua atividade e há regras para os clubes organizarem os seus jogos que devem ser observadas.

Lisboa, 8 de maio de 2019

Futebolistas do Ano

Votação dos sócios a decorrer

A Direção do CNID – Associação dos Jornalistas de Desporto propõe aos associados, para votação, os seguintes atletas candidatos a Futebolistas do Ano de 2019 (I Liga, II Liga e Revelação):

Futebolista do Ano – I LIGA
Bruno Fernandes – Sporting Clube de Portugal
Corona – Futebol Clube do Porto
Dyego Sousa – Sporting Clube de Braga
Herrera – Futebol Clube do Porto
Rafa – Sport Lisboa e Benfica

Futebolista do Ano – II LIGA
Fabrício – Futebol Clube de Famalicão
Jota – Sport Lisboa e Benfica
Luís Carlos – Futebol Clube de Paços de Ferreira
Marco Baixinho – Futebol Clube de Paços de Ferreira
Romário – Futebol Clube do Porto
Zlobin – Sport Lisboa e Benfica

Revelação do Ano
Chiquinho – Moreirense Futebol Clube
Éder Militão – Futebol Clube do Porto
Ferro – Sport Lisboa e Benfica
Florentino – Sport Lisboa e Benfica
João Félix – Sport Lisboa e Benfica 

Os associados do CNID deverão votar até às 17h00 do dia 17 de Maio, para o email cnid@cnid.pt, indicando o nome, número de sócio e o candidato preferido em cada categoria.

Diogo Ventura é o primeiro galardoado com o Prémio Desportivismo

O CNID (Associação dos Jornalistas de Desporto) anunciou ontem o primeiro vencedor do Prémio Desportivismo, recentemente criado para distinguir gestos de fair play de praticantes de qualquer modalidade.

A cerimónia de apresentação nacional do prémio está agendada para 16 de abril (próxima terça-feira), às 17 horas, no Campo da Arregaça, em Coimbra, e quem vai receber o primeiro galardão é o jovem Diogo Ventura, do Clube União 1919 (antigo Clube de Futebol União de Coimbra).

A 10 de junho de 2018, em Vale de Açores (Mortágua), num torneio de guarda-redes, escalão de iniciados, Diogo Ventura classificou-se para a final juntamente com o guardião do Clube Desportivo do Luso, mas este acabou por ter um súbito problema de saúde e teve de ser transportado de imediato para o hospital, não podendo discutir a final.

Perante isto, a organização declarou Diogo Ventura como vencedor, mas este recusou o triunfo e fez questão que o mesmo fosse atribuído ao adversário que tinha ficado impedido de lutar pela vitória.

Diogo Ventura é atualmente guarda-redes dos juvenis do Clube União 1919.

“A Bola” noticia hoje na última página este assunto.

Mourinho e os jornalistas: “Melhores? Os italianos”

José Mourinho: “Os bons jornalistas em Portugal são muito bons”

Fizemos uma provocação a José Mourinho quando lhe entregámos o Troféu CNID 2015, no recente Forum de Treinadores, em Portimão: “Quais foram os piores jornalistas que encontrou nos quatro países em que trabalhou?” 

“Os jornalistas que, em minha opinião, sabem mais de futebol são os italianos. Interessam-se mesmo pelo futebol, querem saber e perceber de futebol. Para mim são os que se preparam mais e ainda por cima têm uma linguagem muito rica.

Em Inglaterra há uma diferença muito acentuada entre os jornalistas e os comentadores e parece-me que ha empatias e antipatias que definem as tendências. Há comentadores que se posicionam como grandes experts mas as máscaras caiem quando passam do ecrã ao banco.

Os espanhóis amam o futebol e amam os seus clubes. São apaixonados e vivem futebol 24 horas por dia, nalguns casos demasiado clubistas.

Os portugueses? Quais? Os jornalistas, os comentadores, os bloguistas, os jogadores de ‘championship manager’? Os jornalistas? Os bons jornalistas em Portugal são muito bons.”